"O nascimento do pensamento é igual ao nascimento de uma criança: tudo começa com um ato de amor. Uma semente há de ser depositada no ventre vazio. E a semente do pensamento é o sonho. Por isso os educadores, antes de serem especialistas em ferramentas do saber, deveriam ser especialistas em amor: intérpretes de sonhos."
( Rubem Alves )

Seguidores

terça-feira, fevereiro 28, 2012


Uma História de Páscoa

5


Hora do conto: “Uma História de Páscoa" - Ana Maria Machado
a)      Motivação
b)      Questionamento oral:
ð     Qual o verdadeiro sentido da Páscoa?
ð     Como costumas comemorar a Páscoa?
ð     Por que o coelho é considerado um símbolo da Páscoa?
ð     Coelhos botam ovos?
ð     Por que a Páscoa é comemorada com muitos doces e comidas?
ð     Coelhinho da Páscoa existe mesmo?
ð     O que perguntava Joãozinho aos outros?
ð     E o coelhinho Dudu o que perguntava?
ð     O que aconteceu quando chegou o Domingo de Páscoa?
ð     Quando chegaram em casa Joãozinho e Dudu o que fizeram?
ð     O que aconteceu logo em seguida?
ð     Qual a mensagem que a história nos deixou?
ð     Qual vai ser o nosso compromisso nesta Páscoa?
ð     E qual vai ser o nosso gesto concreto nesta Páscoa?
c)      Compreendendo a história através da ilustração.


Fragmento
 
Uma História de Páscoa

      Todo mundo sabe que, quando vai chegando a Páscoa, as crianças vão começando a pensar em comilanças, em ovos coloridos, de chocolate, em coelhinhos.
      Mas o que pouca gente sabe é que , quando vai chegando a Páscoa, os coelhinhos vão começando a pensar em comilanças, em cenouras coloridas, em crianças.
      Joãozinho andava assim. Às vezes, parava de correr e perguntava aos outros:
      _ Coelhinho de Páscoa existe mesmo? Será que vou ganhar muitos ovinhos?
      E num matinho no fundo do jardim, lá na sua toca, o coelhinho Dudu também, às vezes, parava de pular e brincar e perguntava aos outros coelhos:
      _ Menino de Páscoa existe mesmo? Será que vou ganhar muitas cenourinhas?
      Quando chegou o Domingo de Páscoa, Joãozinho pulou da cama bem cedinho e lá se foi para o jardim procurar os ovos de chocolate que o coelhinho de Páscoa devia ter trazido para ele. Procurou, procurou e nada achou.
      Dudu tinha acordado mais cedo ainda. Saiu da toca aos pulos e lá se foi pelo meio das moitas, procurando as cenourinhas que o menino de Páscoa devia ter trazido para ele. Procurou, procurou e nada achou.
      Até que, de repente...
      De repente, os dois viram uma coisa se mexendo do outro lado de uma planta. Foi então que o menino viu o coelho. E o coelho viu o menino. Que confusão! Corriam pelo jardim todo. O menino atrás do coelho. De repente, o coelho atrás do menino.
      E brincavam e pulavam e riam.
      Até que se embolaram...




 
Uma História de Páscoa
                                                                               (Segunda Parte)


      ... Dudu segurou a camisa de Joãozinho.
      Joãozinho segurou as orelhas de Dudu.
      _ Bom dia, coelhinho de Páscoa! Você estava atrasado. Até pensei que você não vinha.
      _ Bom dia menino de Páscoa. Você estava atrasado. Até pensei que você não vinha.
      _ Ué, não é você quem traz ovos de chocolate para mim? _ falou Joãozinho.
      _ Ué, não é você que traz cenouras coloridas para mim? _ falou o coelhinho Dudu.
      Os dois conversaram, ficaram meio tristes e cada um foi para sua casa.
      O pai de Joãozinho estava se levantando e o menino contou o que havia lhe acontecido no jardim. E falou:
      _ Eu fiquei triste, mas tenho mais pena ainda é do coelhinho. Ele queria tanto umas cenouras coloridas...
      Que idéia mais maluca, hein, papai? Onde já se viu cenoura colorida. Ia ser tão bom se a gente pudesse ajudar o coelhinho...
      _ Então vamos dar um jeito.
      O pai de Dudu estava levantando e o coelhinho contou o que tinha acontecido no jardim. E falou:
      _ Eu fiquei triste, mas tenho mais pena é do menino. Ele queria tanto uns ovos de chocolate coloridos... Que  idéia mais maluca, hein, papai? Onde já se viu ovo de chocolate? Ovo é de clara e gema. Mas ia ser tão bom se a gente pudesse ajudar o menino...
      _ Então vamos dar um jeito _ disse o papai coelho.
      Cada um do seu jeito resolveu o problema dos ovos de chocolate e das cenouras coloridas.
      Um segredo dos coelhos. E dos meninos e meninas de Páscoa.
      Será que você sabe?
      Será que você também é uma criança de Páscoa?
   

5 comentários:

Rosy disse...

Amiga passa lá no meu cantinho, tem selinho para você. bjs

ELAINE disse...

História mais encantadora! Lembro quando meu filho era pequeno, a gente fazia, com farinha, umas pegadas de patinhas de coelho pela casa toda, pra ele encontrar a cesta com os ovos...Saudade daquele tempo....Adorei a história! Fiquei muito feliz com a tua visita! Não sei se você reparou, mas tem um espaço novo lá no blog chamado "Blog Novo", não defini muito bem o título ainda, em que divulgo alguns blogs interessantes, com conteúdo, para dar uma "forcinha"...tem ajudado bastante...Pensei em te colocar...Posso?...Aguardo tua resposta...Bjão!
Ótima 4ªF!
Elaine Averbuch Neves
http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com/

ELAINE disse...

Então fica no aguardo! Bjão! Elaine Averbuch Neves
http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com/

luiza teixeira disse...

hihihhiihihhihihi

Rita de Cassía disse...


Você esta de parabéns, seu blog é muito fofo, e ja estou seguindo, veja o meu e minhas atividades se quiser utilizar algo fique a vontade.


Português para a páscoa

Matemática para a pascoa

Atividades para a páscoa

Desenhos para colorir páscoa




Lembrancinhas páscoa imprimir

Enfeites de páscoa

Decoração de páscoa




Cartão de páscoa para imprimir

Modelo cartão de pascoa



Mascaras para páscoa

Mascaras de coelinho

Mascaras de orelha de coelho

Postar um comentário

"SEM A CURIOSIDADE QUE ME MOVE, QUE ME INQUIETA, QUE ME INSERE NA BUSCA, NÃO APRENDO NEM ENSINO." Paulo Freire"
Adoro receber visitas e comentários. Obrigada pelo carinho.